Bebida "batizada" com metanol mata 12 pessoas na República Tcheca

Bebidas produzidas de maneira ilegal são comuns no país

O Governo tcheco confirmou na quarta-feira (12) a formação de um gabinete de crise para abordar a grave série de intoxicações que já causou a morte de 12 pessoas no país, todas relacionadas com o consumo de bebidas "batizadas" com metanol.

Segundo a imprensa local, o gabinete de crise, que inclui representantes dos ministérios da Saúde, Interior e Indústria e Comércio, assim como o chefe da polícia, recomendou uma ampliação dos controles nos bares do país.

Enquanto o número de afetados pelo consumo de bebidas alcoólicas destiladas de maneira ilegal continua subindo, o número de pessoas que morreram após consumir metanol chegou a 12, três a mais que as registradas ontem.

Mais de 20 pessoas intoxicadas seguem internadas em diversos hospitais do país, muitos deles em estado crítico.

Até o momento, a polícia confiscou 1,3 mil litros de álcool ilegal, porém, a fonte da distribuição das bebidas com metanol segue sendo investigada.

O Ministério da Saúde pediu à população para não consumir bebidas de origem incerta, especialmente de garrafas não seladas devidamente.

O consumo de poucos mililitros de metanol já seria suficiente para provocar enjôos, dores de cabeça e náuseas, além do risco de cegueira e de morte.

Segundo "Rádio Praga", a série de intoxicações, cujos primeiros casos foram registrados na última sexta, é considerada a pior em mais de três décadas neste país centro-europeu e, inclusive, já teria ultrapassado as fronteiras tchecas, já que duas pessoas morreram por esta mesma razão na vizinha Polônia.

De acordo com a União Checa de Produtores de Licores, uma quinta parte das bebidas alcoólicas consumidas no país é de origem ilegal.

Fonte: Notícias Inusitadas / Virgula

Visitantes online

Bandeirinhas do Inusitados

free counters

  © Notícias Inusitadas - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo